quinta-feira, 29 de outubroAs principais notícias do Brasil e do Mundo
ASSISTA: em debate na CNN, jornalista deu chilique contra Caio Coppolla

ASSISTA: em debate na CNN, jornalista deu chilique contra Caio Coppolla


A emissora CNN Brasil tem um programa de bastante audiência que se chama O Grande Debate, no qual dois debatedores discutem assuntos do momento.

No dia 7 de Julho, o programa com o tema “Bolsonaro gerencia bem a pandemia?” foi ao ar, com do lado da esquerda o jornalista Augusto de Arruda Botelho contra o jornalista de direita, Caio Coppolla.

Conhecido por ser um apoiador do Presidente Jair Bolsonaro, e também por ter bons argumentos, Caio Coppolla ganhou a atenção do público quando trabalhava no ano passado na rádio Jovem Pan, no programa Morning Show.

No programa Caio Coppolla era a única voz conservadora, e boas discussões sobre o Governo Bolsonaro e a pauta de direita aconteciam.

No “O Grande Debate” deste dia 7 de Julho, o debatedor de esquerda se revoltou com Caio Coppolla e aumentou o tom de voz após discordar dos assuntos que estavam na discussão.

Augusto Botelho disse:

“Eu fico revoltado em ouvir aqui neste debate, com todo respeito Caio, uma pessoa que fez direito, voltar nesse argumento panfletário de meme de WhatsApp que a competência é do STF”.

O jornalista se contrapôs ao Caio Coppolla e disse “você sabe que não é isso”, em relação ao fato do Supremo Tribunal Federal ter deixado a responsabilidade das medidas contra o Coronavírus para os Governadores e Prefeitos.

Mas na verdade foi exatamente isso o que o STF fez. Toda a responsabilidade pelo Coronavírus foi entregue aos municípios e governos estaduais.

Além disso, o jornalista foi aumentando o tom de voz enquanto falava sobre o estudo de Nova York, de que 2/3 da população se infectaram dentro de casa durante a quarentena. Ele discorda disso, porém o vídeo que mostraremos abaixo mostra exatamente o estudo que mostrou isso, inclusive o próprio Governador de Nova York confirmou esta informação.

O jornalista também disse que Bolsonaro está “às beiras da justiça criminal”, porque o Presidente “sabia” que estava com o COVID e mesmo assim foi abraçar e cumprimentar as pessoas.

Quando Caio Coppolla foi rebater o seu opositor, antes mesmo dele terminar a sua fala inicial, de que o Presidente simplesmente não sabia que estava com a doença, Augusto Botelho começou a falar junto com Caio e a interrompê-lo, de forma que ficou constrangedor.

Como é dito na linguagem popular, “deu chilique“.

A mediadora Monalisa Perrone precisou intervir e disse que em respeito aos telespectadores era necessário baixar o tom da discussão.

Assista abaixo aos vídeos:

Fonte: CNN Brasil (via YouTube)