quarta-feira, 29 de setembroAs principais notícias do Brasil e do Mundo
Bolsonaro diz que a palavra final na Economia é dele e de Paulo Guedes, mais ninguém

Bolsonaro diz que a palavra final na Economia é dele e de Paulo Guedes, mais ninguém

Na tarde desta Quarta-feira, 7 de Outubro, o Presidente da República Jair Bolsonaro participou do lançamento do programa Voo Simples, no Palácio do Planalto, que visa desburocratizar a aviação no Brasil.

Durante o evento, o Chefe do Executivo falou sobre a relação dele com o Ministro da Economia, Paulo Guedes, e afirmou que a palavra final sobre Economia pertencem a ele e a Guedes.

Além disso, elogiou os outros ministros e falou que tem por Paulo Guedes uma “lealdade mútua”:

“Me surpreende por vezes o mercado por declaração de um ministro ou de um funcionário de segundo escalão falar alguma coisas e aquilo passar a ser uma verdade. Bolsa cai, dólar sobe. A palavra final na Economia não é de uma pessoa, é de duas pessoas: eu e Paulo Guedes. Eu não tomo decisões sem ligar para o respectivo ministro”.

O Presidente da República também afirmou que o Brasil foi um dos países que melhor se saiu na área econômica durante a pandemia da COVID-19 e atribuiu o feito a providências tomadas por Guedes, como o pagamento do Auxílio Emergencial.

Recentemente, o Ministro Paulo Guedes e o Presidente da Câmara Rodrigo Maia tiveram alguns desentendimentos públicos, e após polêmicas os dois se desculparam e “reataram” parceria.

Apesar do destaque dado a Guedes, Bolsonaro parabenizou e disse acreditar nos seus 23 ministros. No discurso, ele elogiou Tarcísio de Freitas, da Infraestrutura, pelo lançamento do programa que desburocratiza processos no setor da aviação.

O chefe do Executivo ainda comentou sobre críticas a seus indicados, falando principalmente sobre sua recente indicação para o Supremo Tribunal Federal, o desembargador Kassio Nunes:

“Eu sei que (indicado) é uma boa pessoa tendo em vista a quantidade de críticas que ela recebe da mídia”.

Fonte: Pleno News

Compartilhe!

Este conteúdo está protegido contra plágio.