segunda-feira, 18 de outubroAs principais notícias do Brasil e do Mundo
Bolsonaro solta o verbo e diz que se o Ministro Barroso tiver moral é para ele abrir um processo de impeachment contra seus colegas

Bolsonaro solta o verbo e diz que se o Ministro Barroso tiver moral é para ele abrir um processo de impeachment contra seus colegas

O Presidente da República Jair Bolsonaro soltou o verbo na manhã desta Sexta-feira, 9 de Abril, contra o Ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso.

Ontem, 8, o magistrado mandou o Senado Federal instaurar uma “CPI da Covid”, para apurar eventuais omissões do Governo Federal no enfrentamento da pandemia.

Ou seja, mesmo que o próprio STF tenha determinado que os Governos Estaduais e Municipais se responsabilizassem pelas ações contra a doença, Barroso quer uma investigação contra o Governo Federal, o qual entregou bilhões à todos os Estados.

A decisão atende a pedido formulado pelos senadores Alessandro Vieira (Cidadania-SE) e Jorge Kajuru (Cidadania-GO), que questionam a inércia de Pacheco em avaliar o requerimento pela investigação, apresentado há 64 dias, no início de fevereiro.

“Diante do exposto, defiro o pedido liminar para determinar ao Presidente do Senado Federal a adoção das providências necessárias à criação e instalação de comissão parlamentar de inquérito”, determinou Barroso.

O Presidente Jair Bolsonaro repudiou a decisão de Barroso, e fez críticas a ele durante conversa com apoiadores nesta manhã.

Assista abaixo ao vídeo:

Em publicação nas redes sociais, o Presidente Bolsonaro disse que para o ministro, “falta-lhe coragem moral e sobra-lhe imprópria militância política”:

“A CPI que Barroso ordenou instaurar, de forma monocrática, na verdade, é para apurar apenas ações do governo federal.

Não poderá investigar nenhum governador, que porventura tenha desviado recursos federais do combate à pandemia.

Barroso se omite ao não determinar ao Senado a instalação de processos de impeachment contra ministro do Supremo, mesmo a pedido de mais de 3 milhões de brasileiros.

Falta-lhe coragem moral e sobra-lhe imprópria militância política.

Pres Jair Bolsonaro.”

Fonte: Gazeta Brasil

Compartilhe!

Este conteúdo está protegido contra plágio.