sexta-feira, 4 de dezembroAs principais notícias do Brasil e do Mundo
Com suspeita de fraude eleitoral, as eleições americanas ainda não terminaram; veja repercussão

Com suspeita de fraude eleitoral, as eleições americanas ainda não terminaram; veja repercussão


As eleições presidenciais dos Estados Unidos deste ano estão deveras acirrada, até demais, por assim dizer.

Uma coisa inegável que a mídia tradicional não está mencionando é o fato de centenas de cédulas de votação de Joe Biden serem encontradas horas depois do início da apuração dos votos, e nem uma sequer de Trump.

Além disso, “estranhamente” alguns estados americanos decidiram recontar os votos, acarretando numa “milagrosa” virada de Biden nas estimativas de quem será o próximo Presidente.

Diversos internautas estão comentando sobre o assunto, que a mídia tradicional não fala de forma alguma:

Ao que tudo indica, o atual Presidente Donald Trump entrará com recurso na Suprema Corte americana para investigar esses votos misteriosos a favor de Biden.

Conforme alguns comentaristas políticos lembraram, este caso está lembrando das eleições presidenciais do Brasil em 2014, quando no segundo turno estava praticamente certo de que Aécio Neves ganharia, e houve uma “pausa” nas contagens de votos e logo depois Dilma virou o placar.

Não foram poucos os vídeos em que foram exibidos os comícios de Trump com milhares de pessoas, e de Biden com meia dúzia de gatos-pingados. Apenas pela recepção do povo pelo atual Presidente já dava para saber que a vitória seria fácil. Entretanto, estatísticas mostram que Biden está com folga na frente de Trump. Meio estranho, não?

Apesar da indecisão sobre quem será o próximo presidente americano, resta aguardar para ver no que vai dar. E pelo jeito, ainda vai demorar.

Fonte: Diego Garcia (via Twitter)