segunda-feira, 21 de junhoAs principais notícias do Brasil e do Mundo
Eduardo Suplicy pede a prisão de Ratinho após sua declaração; veja repercussão

Eduardo Suplicy pede a prisão de Ratinho após sua declaração; veja repercussão

Nesta semana, o apresentador do SBT e dono da Rede Massa, Carlos Massa (Ratinho), fez uma declaração nesta semana que gerou muita polêmica e repercussão nas redes sociais.

No programa Turma do Ratinho, da Rádio Massa FM, o apresentador deu uma declaração envolvendo intervenção militar, dizendo que tal ação seria uma solução para o Brasil:

“Eu sei que o que vou falar aqui pode até chocar, mas está na hora de fazer igual [se] fez em Singapura. Entrou um general, consertou o país e, um ano depois, fez eleições. Mas primeiro consertou. Chamou todos denunciados e disse: “vocês têm 24 horas para deixar o país ou serão fuzilados”. Limpou Singapura” – disse Ratinho, fazendo referência ao governo do ex-Primeiro-Ministro Lee Kuan Yew.

Ratinho completou dizendo que a maioria dos brasileiros concorda com a sua opinião, e que se ele abrisse uma votação grande parte apoiaria a volta dos militares ao poder:

“Se eu abrir uma votação perguntando se o povo é a favor da volta dos militares, dá 70%. Nossa democracia é muito frágil. Dá margem para bandido. Estranha!”.

A fala de Ratinho teve apoio de uma parte da população, e muitas críticas de outro. Entre os críticos, estão membros de partidos de oposição, como é o caso do vereador de São Paulo Eduardo Suplicy (PT), que pediu “punição semelhante” à do Deputado Federal Daniel Silveira, que foi preso por criticar os Ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

“Por suas declarações em favor da ditadura militar, Ratinho está a merecer punição semelhante à do deputado Daniel Silveira. Por 11 a 0 o STF decidiu que ele deve estar preso”, publicou Suplicy.

Veja abaixo à publicação completa de Eduardo Suplicy:

Fonte: Eduardo Suplicy (via Twitter)

Compartilhe!