domingo, 29 de novembroAs principais notícias do Brasil e do Mundo
Ex-Governador de SP Geraldo Alckmin teve R$11 milhões bloqueados pela Justiça

Ex-Governador de SP Geraldo Alckmin teve R$11 milhões bloqueados pela Justiça


A Justiça Eleitoral determinou nesta Quarta-feira, 5 de Agosto, o bloqueio de R$ 11,3 milhões do ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB).

A determinação da justiça também pegou o ex-secretário de Planejamento Marcos Monteiro e o ex-assessor Sebastião Eduardo Alves de Castro.

A medida ocorre após uma representação feita pela Polícia Federal (PF), que no dia 16 de junho concluiu a investigação que indiciou Alckmin, Marcos Monteiro e Sebastião de Castro por corrupção passiva, falsidade ideológica eleitoral, lavagem de dinheiro e caixa dois.

De acordo com o Ministério Público, o valor apreendido foi pago em caixa dois pela Odebrecht às campanhas de Alckmin nas eleições de 2010 e 2014.

Segundo a Revista Oeste, que obteve informação do MP, a Odebrecht destinou R$ 2 milhões à campanha de Geraldo Alckmin em 2010, por meio do cunhado dele, Adhemar César Ribeiro. Além disso, repassou outros R$ 9,3 milhões nas eleições de 2014.

As investigações apontaram que o codinome de Alckmin nos sistemas de contabilidade paralela da empreiteira baiana era “Belém”. Já o de Marcos Monteiro era “Salsicha”, “M&M” e “MM Partido”.

Fonte: Conexão Política e Revista Oeste