segunda-feira, 21 de junhoAs principais notícias do Brasil e do Mundo
Joice Hasselmann diz que antes de apoiá-lo, “Bolsonaro não era ninguém”

Joice Hasselmann diz que antes de apoiá-lo, “Bolsonaro não era ninguém”

Em entrevista a Rede Bandeirantes, a Deputada Federal e agora pré-candidata à Prefeitura de São Paulo, Joice Hasselmann, falou sobre sua candidatura e também deu algumas alfinetadas no Presidente da República, Jair Bolsonaro.

O programa que ela participou se chama Band Eleições, onde a cada edição vai um pré-candidato e fala sobre suas propostas de governo.

Joice começou o programa falando que “a gente tem uma bomba relógio armada para 2021”, ao admitir que os desafios para a recuperação de áreas como economia e saúde na cidade de SP no pós-pandemia serão grandes.

Sobre saúde e educação, a pré-candidata afirmou que pretende resolver as questões com “muita austeridade, gestão e tecnologia”. Além disso afirmou que sem investir em tecnologia para o setor público não é possível fazer grandes melhorias.

Em relação ao rompimento com o Presidente Jair Bolsonaro, Joice Hasselmann disse:

“Quando comecei a apoiar o presidente ele não era ninguém. Tinha 3% de apoio. Ele bateu na minha porta pedindo ajuda.” 

A Deputada completou:

“Eu não entrei na onda Bolsonaro, nós criamos essa onda juntos, mas o presidente acabou rompendo com bandeiras como o combate contra a corrupção.”

Joice também disse que o Governo seria melhor se não tivessem os três filhos (do Presidente) atrapalhando:

“Eu quero que o governo dê certo, só queria que o presidente desse férias, até o final do mandato, para os três filhos para que o país possa andar melhor.”

Fonte: Band Jornalismo (via Twitter)

Compartilhe!