segunda-feira, 26 de julhoAs principais notícias do Brasil e do Mundo
Para infelicidade de João Doria, Anvisa suspende testes com a vacina chinesa

Para infelicidade de João Doria, Anvisa suspende testes com a vacina chinesa

Na noite desta Segunda-feira, 10 de Novembro, uma notícia deixou o Governador de São Paulo, João Doria, e todos aqueles da oposição que defenderam a vacina chinesa, chateados.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decidiu interromper os testes com a Coronavac.

Segundo a Anvisa, houve um “evento adverso grave” no dia 29 de Outubro e que é padrão interromper os testes quando algum problema é notificado.

Em nota, a instituição explica que os eventos adversos considerados graves pelo uso da vacina são: óbitos, eventos que comprometam a saúde do voluntário, incapacidade ou invalidez, reações que demandem hospitalizações, anomalias e suspeitas de infecção por meio de agentes.

João Doria já havia encomendado um lote grande da vacina, mesmo sem os testes serem concluídos.

Conforme noticiamos há algumas semanas, houve uma tremenda polêmica com esta vacina, pois Doria disse que seria obrigatória a vacinação no Estado de São Paulo, e Bolsonaro disse que não seria.

Na mesma semana, o Presidente da República cancelou a intenção do Ministro Pazuello em comprar as vacinas e toda a oposição do Governo ficou enfurecida com esta decisão, fazendo com que partidos de esquerda protocolassem pedidos no Supremo Tribunal Federal.

O Presidente Bolsonaro já afirmou que só vai permitir uma vacina que seja aprovada pela Anvisa, e a Coronavac não será o caso.

Fonte: UOL

Compartilhe!