segunda-feira, 26 de julhoAs principais notícias do Brasil e do Mundo
Presidente Bolsonaro solta o verbo e diz que a imprensa “não é nem lixo porque lixo é reciclável”

Presidente Bolsonaro solta o verbo e diz que a imprensa “não é nem lixo porque lixo é reciclável”

O Presidente da República Jair Bolsonaro soltou o verbo na manhã desta Quarta-feira, 6 de Janeiro, em conversa com apoiadores na frente do Palácio da Alvorada.

O Chefe do Executivo tem sido um alvo frenético de ataques da mídia, que sempre tenta desgastar o Governo com críticas infundadas.

Ao se dirigir a uma pessoa que não aparece no vídeo, Bolsonaro disse:

“Deu uma confusão ontem, você viu? [Quando] Eu falei que o Brasil estava quebrado. O Brasil está bem, uma maravilha. A imprensa sem vergonha faz uma onda terrível”.

“Para a imprensa voltava Lula, Dilma”, disse.

O Presidente falou sobre a verba que a imprensa recebia por ano:

“Eles davam R$ 3 bilhões por ano” para a imprensa, afirmou. “O maior problema do Brasil não é com alguns órgãos, é com a imprensa”.

“Se eu me preocupar com o que a mídia escreve, eu não saio de casa”, declarou. Ele contou aos apoiadores que em 2019 tentou cancelar todas as assinaturas de jornais e revistas que chegavam aos órgãos do governo federal. “Se quiser comprar lixo, vai na rodoviária”, disse.

E disse que para ele a imprensa não é lixo, por que lixo é reciclável:

“Não é nem lixo, né, porque lixo é reciclável, esse povo não serve para nada.”

Pouco depois, Bolsonaro discordou de uma apoiadora, que comentou que tudo que saía sobre o governo era distorcido. “Eles não distorcem, não, eles inventam”, afirmou.

E completou dando o exemplo de uma mentira criada pela mídia:

“Ontem eu falei que parte dos brasileiros não está preparada para o mercado de trabalho. A imprensa disse que eu ofendi todos os trabalhadores do Brasil”.

Fonte: Gazeta Brasil

Compartilhe!