segunda-feira, 26 de julhoAs principais notícias do Brasil e do Mundo
Presidente do Superior Tribunal Militar solta o verbo e diz que não deixam o Bolsonaro governar; veja repercussão

Presidente do Superior Tribunal Militar solta o verbo e diz que não deixam o Bolsonaro governar; veja repercussão

Na última semana, o Presidente do Superior Tribunal Militar (STM), General Luís Carlos Gomes Mattos, deu uma declaração em entrevista à Revista Veja que gerou muita repercussão.

O militar saiu em defesa do Governo Bolsonaro e disse que não deixam o Presidente governar:

“Houve alguma acusação de corrupção contra o presidente Bolsonaro? Ele se elegeu para combater a corrupção. De todas as maneiras estão tentando atribuir alguma coisa a ele e não conseguiram até agora. Deviam deixar o presidente governar, mas não deixam”.

Além disso, falou que as críticas ao Presidente são constantes, e tudo que há de errado atribuem a ele:

“Quem critica Bolsonaro faz isso de manhã, de tarde, de noite… Tudo atribuem ao presidente. Tudo de errado. Será que você aguentaria isso? Que reação eu teria? Não sei. E alguma coisa boa atribuem? O Brasil está crescendo, a economia está crescendo, mesmo com todas as dificuldades. Não tenho dúvida de que estão esticando demais a corda”.

O general foi questionado sobre quem seriam essas forças que estão “esticando a corda”. Ele respondeu dizendo que são aqueles que defendem ditaduras:

“Política é assim: tem gente contra e tem gente a favor. Quem está contra logicamente vai esticar essa corda, como se diz, até que ela arrebente. Esses, na verdade, são os que não têm muito apreço pela democracia, os que defendem ditaduras e apoiam ditadores. Quando a corda vai arrebentar? Isso eu não sei”, concluiu Mattos.

Nas redes sociais, os internautas se manifestaram:

Fonte: Revista Oeste

Compartilhe!