domingo, 25 de outubroAs principais notícias do Brasil e do Mundo
TSE usa biólogo que “previu” 1 milhão de mortes da Covid em campanha contra Fake-News

TSE usa biólogo que “previu” 1 milhão de mortes da Covid em campanha contra Fake-News


Nesta Segunda-Feira, 1 de Setembro, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lançou um vídeo de campanha contra Fake-News nas campanhas eleitorais.

Para isso, decidiu usar o biólogo Átila Iamarino para apresentar o vídeo. Para quem não se lembra ou não sabe, Átila ganhou repercussão no YouTube e redes sociais pois “previu” que o Brasil teria 1 milhão de mortos por Covid-19 até o fim de Agosto.

Átila ganhou bastante espaço na mídia, e inclusive participou de um Roda Viva. Além disso, teve milhões de acessos em seu canal no YouTube porque se tornou uma “referência” no assunto coronavírus, logo no início da pandemia no Brasil.

No vídeo do TSE, Átila comparou as notícias falsas a um vírus:

“Pense em uma coisa que se espalha progressivamente, contamina famílias, afasta as pessoas e traz consequências muito graves para a sociedade. Não é como um vírus, mas é como se fosse: são as fake news” – diz Átila no início do vídeo.

Em um vídeo de Março, o biólogo projetou que o Brasil chegaria à marca de 1 milhão de vítimas da Covid-19 no fim de Agosto caso o país tomasse apenas medidas de mitigação da doença, ou seja, caso adotasse uma quarentena parcial, como de fato ocorreu.

Ainda segundo a projeção de Átila, se o Brasil fizesse a supressão da doença, o que ele disse que aconteceria se todos “ficassem em casa pelos próximos meses”, em um confinamento total, o Brasil atingiria a marca genérica de “milhares de mortos”.

No fim de Agosto, o Brasil tinha 121,5 mil mortes confirmadas pela doença.

Átila ganhou notoriedade por ser um “profeta do caos” e fazer essas projeções que geraram medo na população, além de fazer críticas ao Governo Bolsonaro pelas medidas adotadas, o que acabou sendo um “prato cheio” para a oposição elevar ainda mais sua popularidade.

Fonte: Pleno News